Revista Bravo! "Canções do Brasil" - 04/05/2004
Shows e lançamentos de CDs de MPB e instrumental
em São Paulo comemoram o sétimo aniversário da gravadora Maritaca
Por: Marco Frenette



Acima, as capas dos CDs de Arismar do Espírito Santo,
Filó Machado, Guzzi Woolley e Theo de Barros

Música

O selo Maritaca comemora na terça-feira, dia 4/5/04, seu sétimo aniversário com uma festa no Sesc Pompéia, em São Paulo. A empresa especializada em música instrumental abriu recentemente suas portas para o canto brasileiro, lançando no mercado três interessantes discos: Theo, de Theo de Barros; Jazz de Senzala, de Filó Machado; e Guzzi, de Guzzi Woolley. E para marcar essa diversidade são justamente esses três artistas que estarão no palco do Sesc animando a noite, juntamente com o multiinstrumentista e compositor Arismar do Espírito Santo, que também está relançando seu álbum de 1994 (agora rebatizado de 10 Anos) com o qual ganhou o prêmio Sharp. A audição destes CDs dá uma boa idéia de como será a festa: boa música instrumental com vocais calcados na longa tradição da música popular e regional brasileiras.

O violinista e compositor Theo de Barros, co-autor da famosa Disparada (com Geraldo Vandré) e Menino das Laranjas, cantada por Elis Regina, lança este terceiro álbum-solo, só com composições e arranjos próprios. Há levadas deliciosas, com leve sabor jazzístico e com gosto de bossa nova, como em Zé Menino e Aguapés. A voz macia e sem angulosidades de Theo combina perfeitamente com a elegância dos arranjos. O álbum de Filó Machado traz temas instrumentais do próprio e canções alheias como Procissão (Gilberto Gil) e Notícias do Brasil (Milton Nascimento e Fernando Brant). Com um fraseado bom, Machado dá mostras de um virtuosismo vocal que pode às vezes se tornar um pouco aflitivo para os menos fãs de MPB. Mas o resultado geral é excelente. A representação da voz feminina nestes shows fica por conta de Guzzi. Seu canto é doce e fluente, e o repertório escolhido para este CD de estréia é acertado. Ali estão Alegre Menina, de Dori Caymmi e Jorge Amado e Outra Vez, de Tom Jobim; além de composições próprias, como Primeiro Amor, apenas com voz e violão. Tudo indica que será uma festa de categoria.

Serviço:
Som da Maritaca. O selo Maritaca apresenta show com parte de seu elenco: Theo de Barros, Arismar do Espírito Santo, Filó Machado e Guzzi Woolley.
Sesc Pompéia, r. Clélia, 93, São Paulo, SP, tel. 0++/11/3871-7700. Dia 4 de maio de 2004,às 21h. R$ 15; R$ 11 (usuário matriculado); R$ 5 (trabalhador no comércio e serviços atriculado e dependentes); R$ 7 (estudantes, professores da rede pública e idosos).

© Editora D'Avila Ltda., sob gestão da Editora Abril